Menu
Used_Depositphotos_374920254_XLsite

Florestas tropicais são absolutamente essenciais para a manutenção da vida na terra. Dentre os diversos serviços ecossistêmicos que oferecem, elas abrigam vasta diversidade de espécies vegetais e animais, contribuem para a regulação de ciclos hídricos e oferecem proteção contra eventos extremos. A Amazônia, por exemplo, desempenha um papel fundamental na estabilidade dos regimes de chuvas no resto do Brasil, contribuindo tanto para a manutenção de um clima ameno quanto para a produtividade da agropecuária no país.

Além disso, essas florestas são enormes estoques de carbono e, portanto, sua destruição por meio de degradação florestal e desmatamento é uma importante fonte emissora de gases de efeito estufa (GEE), principalmente de dióxido de carbono. Estima-se que um quarto das emissões líquidas globais de GEE de origem antropogênica entre 2007 e 2016 possa ser atribuído ao setor de agricultura, floresta e uso do solo, em grande parte devido à perda de vegetação tropical.

Por ser o país que detém a maior área de vegetação nativa tropical no planeta, o Brasil carrega imensa responsabilidade. No início dos anos 2000, em torno de dois terços das emissões brasileiras de GEEs originavam-se do setor de mudança no uso do solo e florestas – 80% das quais são atribuíveis aos nove estados que compõem a Amazônia Legal.

Mas o Brasil demonstrou, diante de tal desafio, como a proteção florestal pode ser fundamental para a redução dessas emissões. Entre 2004 e 2010, devido, em grande parte, às novas políticas de combate ao desmatamento, a participação do setor de mudança no uso do solo e florestas nas emissões brasileiras caiu à metade do que era em 2000.

Por esse motivo, a proteção florestal não é apenas essencial para garantir o bem-estar humano e a produtividade agropecuária de um país, mas é, também, crucial para a desaceleração das mudanças climáticas e a mitigação seus efeitos adversos.

up

Esta página contém posts em múltiplos idiomas

Usamos cookies para personalizar o conteúdo por idioma preferido e para analisar o tráfego do site. Consulte nossa política de privacidade para obter mais informações.